O inventor russo, Tatarenko Vladimir Nikolaevich, passou estes últimos três anos a trabalhar num projeto que poderá salvar vidas em desastres aéreos, através de uma ideia simples, uma cabine destacável.

O funcionamento é simples, sempre que o avião se encontre em risco de queda, quer seja na descolagem, a durante do voo ou na aterragem, a cabine separa-se da camada de proteção exterior de metal do avião e aterra com o auxílio de um paraquedas.

Na patente registada pelo inventor russo, a cabine possui bóias inferiores para poder pousar na água, e conta com espaço para bagagens, o que salvaria igualmente as malas dos passageiros.  Segundo o “The Independent” a proposta não se encontra livre de polémica, uma vez que a cabine destacável deixaria de fora os pilotos, e o sucesso da operação de salvamento seria dificultado se a cabine pousasse numa zona com prédios e estradas.

Os custos de produção de um avião com estas características são desconhecidos por agora, prevendo-se que tenha um custo elevado. O inventor russo não se revelou preocupado pois segundo o mesmo, 95% das pessoas que consultou não se importariam de pagar mais para voar num avião com esta tecnologia.

Post anterior

Como escurecem as lentes fotocromáticas ao Sol?

Próximo post

Porque os coalas dormem tanto?

Miguel Santana

Miguel Santana

Diretor & Programação Visual e Diagramação

Nenhum comentário

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *