Quantas vezes deste por ti a procurar uma “PEN” para guardar ou abrir aquele trabalho importante para amanhã e não a encontras, já para não falar de como estes dispositivos são frágeis e podem partir-se e fazer com que toda a informação contida se perca num ápice. A tecnologia está sempre a evoluir e cada vez menos utilizamos estes dispositivos. Passamos para uma era da “Cloud” e agora para o NAS, um substituto ao primeiro que tem apresentado algumas falhas de segurança cruciais para quem guarda informações confidenciais.

ASUSTOR é uma marca de armazenamento em rede, pertencente ao grupo da ASUS, que existe no mercado desde 2011.

O LOL teve a oportunidade de experimentar o novo produto AS3102T, que para além de ser compacto, tem capacidade para colocar até dois discos rígidos de 8TB cada, permitindo a redundância dos dados e impedir que estes se percam, caso um disco falhe. Este produto é-nos apresentado com um design preto discreto e moderno que se adequa a qualquer superfície em que o mesmo fique colocado. Todo o chassis é de plástico resistente e metal, o que nos aponta para uma grande durabilidade.

O Produto

Colocar a unidade a funcionar é bastante fácil, pois é tudo muito simples, algo que, na minha opinião, é uma vantagem pois permite colocar tudo a funcionar num curto período de tempo.

Apresenta, na parte da frente, quatro LED de atividade, um sensor de infravermelhos e uma porta USB 3.0. Atrás, um botão para ligar/desligar, uma ventoinha silenciosa de 70mm, duas portas USB 3.0, uma porta HDMI 1.4, ligação RJ45 Gigabit e uma entrada de corrente.

Nos testes realizados, foram utilizados dois discos WD Red Pro de 2TB cada um.

A unidade é muito silenciosa. Esperávamos ver algum barulho, embora pouco, da ventoinha, aquando a gravação de dados na unidade mas não foi isso que aconteceu. A unidade é mesmo muito silenciosa. Pondo as coisas em perspetiva, era mais provável ouvir o som dos discos a rodarem do que o barulho da ventoinha.

Numa NAS, cópias de segurança são cruciais para impedir perda de dados e a ASUSTOR tem à disposição dos utilizadores desta unidade, um variadíssimo leque de opções de cópias de segurança internas, para USB, por FTP ou ainda para outra NAS, com possibilidade de agendamento.

Em termos de velocidades, conseguimos atingir cerca de 107 MB/s, tanto na escrita, como na leitura de dados, sempre em RAID 1 (um disco é a cópia do outro).

ADM (Sistema Operativo)

A ASUSTOR dispõe ainda de uma central de aplicações com dezenas de aplicações disponíveis para instalar nesta unidade. Instalar é muito fácil, basta clicar no botão “Instalar” e a máquina faz o resto.

Se quisermos aceder à NAS de qualquer outro ponto do mundo, podemos utilizar o serviço “Cloud Connect” que nos vai permitir a ligação à unidade sem preocupações com endereços de IP’s, dando acesso total a esta NAS. Também é possível a ligação com as aplicações móveis da ASUSTOR, que são muito completas e permitem realizar quase todas as tarefas disponíveis no computador.

Esta unidade também pode ser utilizada como “Media Player” ligando uma televisão à porta HDMI e utilizando a aplicação da ASUSTOR como comando para tarefas mais simples, já para as tarefas mais complexas, sugere-se um comando mais completo, ou até mesmo, rato e teclado. Nesta modalidade, a unidade reproduziu vídeos até 4K de 8bits e H265, quer a partir da rede, quer a partir do armazenamento interno.

Enquanto realizámos os nossos testes, saiu a nova versão do ADM. Neste momento, o sistema operativo encontra-se na versão 3 com um design totalmente renovado, como se pode ver pelas imagens abaixo.

Este sistema operativo está muito bem desenhado e prima a usabilidade e a simplicidade, algo muito importante para unidades de armazenamento como estas.

Pontos Negativos

O único ponto negativo a apontar à unidade é a velocidade de escrita quando utilizamos a ligação direta da unidade de rede no Windows, que reduz de um patamar superior aos 100 MB/s para cerca de 4MB/S. É algo para o qual somos alertados quando ativamos esta funcionalidade mas, instalar o software em todos os computadores de uma casa ou escritório é pouco prático.

Classificação do Editor

Desempenho
Qualidade
Preço
É, sem dúvida, um produto muito bom para quem procura este tipo de soluções de armazenamento de dados em rede. A simplicidade e qualidade são os pontos fortes da máquina. O preço é adequado ao produto em comparação à concorrência.
Post anterior

BPM Festival estreia-se na Europa em Lagoa e Portimão

Próximo post

Esta é a história mais recente.

Miguel Santana

Miguel Santana

Diretor & Programação Visual e Diagramação

Nenhum comentário

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *